Balanço de Nitrogênio Positivo

By | 28/02/2012

O Balanço de Nitrogênio Positivo é um sintoma do anabolismo e crescimento muscular.

Você com certeza vai escutar muita gente falando disso em breve, então vamos logo saber do que se trata.

O Balanço de Nitrogênio é a proporção entre a quantidade de nitrogênio que chega ao nosso organismo através dos alimentos que comemos e a quantidade de nitrogênio eliminada. Como as proteínas aparentam ser a fonte primária de nitrogênio do nosso organismo, é possível considerar que a taxa de proteínas que nosso organismo recebe e destrói está de acordo com seu balanço de nitrogênio. E essa informação é necessária para saber se o crescimento muscular vai ocorrer.

Existe uma certa conexão entre a quantidade de nitrogênio que nosso organismo consome com os alimentos que contém proteína e a quantidade de nitrogênio que nosso organismo elimina. O aumento da ingestão de proteína automaticamente aumenta a quantidade de nitrogênio excretada. No caso de uma dieta balanceada, um organismo adulto, por regra, elimina a mesma quantidade de nitrogênio que recebe. Esse estado recebe o nome de balanço de nitrogênio. Você deve saber que nosso organismo sempre busca o equilíbrio interno (homeostase). É por isso que esse tipo de balanço é um estado normal para a maioria das pessoas. Se você aumentar a quantidade de proteína, o balanço de nitrogênio logo será recuperado, mas em níveis maiores. Então, a verdadeira importância do balanço de nitrogênio reside no fato de que nosso corpo sempre busca por esse estado e pode ser manipulado de maneira positiva ou negativa.

Balanço de Nitrogênio Positivo
Chamamos de Balanço de Nitrogênio Positivo os casos em que a entrada de nitrogênio é maior do que a saída. Nessa situação, a síntese de proteína prevalece sobre a decomposição. O Balanço de Nitrogênio Positivo ocorre toda vez que nossos músculos crescem. Os cientistas afirmam que nessa situação o Anabolismo (processo de crescimento) predomina e o Catabolismo (processo de decomposição) é evitado.

As proteínas não podem ser “estocadas” no nosso organismo. É por isso que quando elas chegam em abundância através dos alimentos, somente uma parcela é utilizada para o crescimento muscular e a parte restante é utilizada como energia. Por esse motivo, é recomendado seguir uma dieta rígida e não consumir mais proteína do que seu corpo necessita, já que o excesso não será armazenado. Utilizar um Suplemento Alimentar de Proteína como o Whey Protein é essencial nesse caso, já que essa proteína possui alto valor biológico e é absorvida rapidamente pelo organismo.

Balanço de Nitrogênio Negativo
Nos casos em que a quantidade de nitrogênio eliminada pelo nosso organismo excede a quantidade de nitrogênio recebida, chamamos de Balanço de Nitrogênio Negativo. Isso ocorre quando há uma falta de proteínas e também em casos em que nosso organismo não recebe a quantidade necessária de certos aminoácidos para a síntese de proteína.

O processo de decomposição da proteína no nosso organismo não ocorre de maneira ininterrupta. O grau de decomposição da proteína acontece de acordo com a qualidade da nutrição. Um gasto mínimo de proteína acontece no caso de uma dieta rica em carboidratos e com menos proteínas. Nessa situação, a quantidade de nitrogênio eliminada pode ser 3 vezes menor do que em condições de deficiência completa: os carboidratos estão “salvando” as proteínas nesse caso.

O Balanço de Nitrogênio Negativo ocorre em casos de completa falta ou diminuição de proteínas ingeridas através dos alimentos, assim como quando os alimentos contém proteínas de baixa qualidade. Isso também pode ocorrer quando o consumo de proteína se mantém normalizado mas a necessidade de proteínas pelo organismo aumenta de maneira significante. Em todos esses casos, ocorre uma deficiência de proteínas (Fome Proteica).

Deficiência de Proteínas 
Quando acontece esse estado de deficiência de proteínas (Fome Proteica), mesmo que nosso organismo receba a quantidade suficiente de gorduras, carboidratos, sais minerais, águas e vitaminas, o processo de perda de peso corporal se inicia, tendo em vista que o gasto de proteínas pelos músculos não é compensado pelas proteínas recebidas através da alimentação. A Deficiência de Proteínas é um obstáculo para um organismo em crescimento que, nessa situação, não apenas começa a perder peso como também enfrenta o catabolismo causado pela redução de material necessário para a construção de células musculares.

Conclusão
O consumo de Proteínas é extremamente necessário para a construção e manutenção de massa muscular, ao manipularmos o Balanço de Nitrogênio. Quando consumimos pouca proteína ou proteína de baixo valor biológico, pode ocorrer um Balanço de Nitrogênio Negativo, o que acarretará em perda de massa muscular. Por isso, é importante nos alimentarmos de maneira adequada, consumindo proteínas de boa qualidade e em quantidades razoáveis ao decorrer do dia.

Artigos Relacionados:
Como Ganhar Músculos Rapidamente
Como Queimar Gordura e Acelerar o Metabolismo
Descanse e Cresça

Suplementos em Promoção este Mês

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Current day month ye@r *