A Importância da Glutamina para a Massa Muscular

By | 13/02/2012
Nesse artigo vamos falar de uma maneira mais aprofundada sobre a Glutamina, seus efeitos e sua importância no funcionamento do organismo.
Continue lendo para conhecer um pouco mais sobre esse importante aminoácido e a maneira mais indicada para tomar esse suplemento que pode te trazer ganhos surpreendentes de massa muscular.

O que é Glutamina?

A glutamina detém o primeiro lugar entre os aminoácidos contidos nos nossos músculos e no sangue: ela equivale a metade de todos os aminoácidos. Nosso organismo precisa de muita glutamina pois esse aminoácido tem papel importante nas funções vitais.

Definição Rapidamente é Possível

Agora, se o seu objetivo for a definição e emagrecimento rapidamente, recomendamos que siga um método de emagrecimento como o Código Emagrecer de Vez (clique), que consiste em algumas técnicas super avançadas que, ao serem seguidas, aceleram bastante esse processo, tanto para quem quer ganhar músculos como quem quer ter tanquinho. Recomendamos que assista ao vídeo que também se encontra no link para entender com mais clareza como esse método funciona. Já está virando febre nas academias do Brasil todo!


Uma das características principais da glutamina é a sua influência no processo da síntese e decomposição de proteína. O consumo de glutamina acelera a síntese da proteína e diminui sua decomposição. A glutamina está ligada também ao processo de hidratação das células: células desidratadas acabam entrando em um estado catabólico (perda de músculos) enquanto as células com bastante água iniciam o processo de anabolismo (condição ideal para ganhar e manter massa muscular).

Adicionar a Glutamina à sua alimentação é bastante útil no caso de uma dieta com pouco carboidrato (low-carb) que causa uma redução de aproximadamente 25% do nível de Glutamina no nosso organismo. A Glutamina suprime a formação de cetona (cetonas são sub-produtos do metabolismo da gordura) que aumenta quando você faz uma dieta de baixo carboidrato.
Efeitos da Glutamina
A Glutamina é caracterizada por um efeito anti-catabólico: ela bloqueia a atividade do cortisol nos nossos músculos (a razão principal da desintegração de proteína muscular). Pesquisas mostram que a Glutamina suprime a interferência do cortisol diretamente no processo de síntese de proteína nos músculos.

Riscos da Falta de Glutamina
Nosso organismo geralmente contém um grande estoque de Glutamina no tecido muscular: os músculos são como os tanques para esse aminoácido. 50% dos aminoácidos livres que estão presentes nas células musculares são sintetizados a partir da Glutamina. Quando nossos órgãos, o sistema imunológico ou outros “comedores de glutamina” não conseguem receber quantidades suficientes desse aminoácido através da alimentação, eles começam a usar os estoques de Glutamina dos músculos e isso leva o organismo diretamente ao catabolismo do tecido muscular (perda de massa muscular). Esse estado ainda se intensifica durante exercícios físicos: em apenas uma sessão de treino, o nível de Glutamina no sangue pode ser reduzido em 20%.

A Glutamina não é um aminoácido essencial pois nosso organismo pode produzi-la por conta própria. Praticantes de Musculação e atletas, entretanto, a consideram insubstituível pois treinos intensos causam uma utilização maior da Glutamina pelo nosso fígado em até 5 vezes. Os cientistas acreditam que isso acontece pelo fato de que nosso fígado precisa da Glutamina para realizar a síntese de glutationa (o principal antioxidante, que melhora as funções do fígado). É por isso que é de fundamental importância que os atletas recebam a quantidade necessária dessa substância a cada dia

Nosso organismo sintetiza aproximadamente 50-120g de glutamina por dia. Um atleta que pesa 80kg precisa de 20-50g de glutamina adicional por dia. E esse problema se agrava ainda mais caso você consuma poucas proteínas de fonte animal (carne, peixe, ovos).

Como Tomar Glutamina
– A Glutamina deve ser tomada em várias porções (3-5g) várias vezes ao dia (antes e depois do treino e antes de ir dormir
– A combinação de Glutamina e Glicina garante um efeito maior na volumização de células musculares em comparação a tomar apenas a Glutamina. A adição de Alanina ajuda a manter a concentração de Glutamina nos músculos.
– Você precisa tomar a Glutamina regularmente. A dose depende da intensidade do treino. De qualquer forma, 30g de glutamina por dia é mais do que suficiente, pois mais do que isso fará com que a Glutamina seja usada como fonte de energia.

– Claro que tomar doses elevadas assim pode ser difícil e caro, portanto adapte a quantidade de acordo com as suas necessidades e principalmente o seu bolso.
Onde Comprar Glutamina?
A melhor opção é comprar pela Internet, já que conseguimos melhores condições de pagamento.
Marcas de Glutamina em Destaque:

Onde Comprar Suplementos

Utilize o menu abaixo para encontrar o menor preço de suplemento. Evite comprar em lojas desconhecidas para evitar transtornos. Clique em uma das opções abaixo para ser redirecionado a loja.


Qual Seu Objetivo?

Quero Emagrecer sou MulherQuero Emagrecer sou Homem

Quero Ganhar Músculos

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *