Quais os Efeitos da Creatina

12/03/2012
Bastante conhecida entre os praticantes de atividades físicas, principalmente entre os praticantes de musculação e esportes de força, a creatina exerce muitos efeitos positivos sobre o ganho de massa muscular.
Conheça alguns desses efeitos da Creatina e tire suas dúvidas quanto as características desse suplemento nesse artigo.

A creatina é parte de um aminoácido encontrado no músculo (95%) e o restante no coração, cérebro, testículos e músculo liso. Ela é produzida no fígado, pâncreas e rins, a partir dos aminoácidos glicina e arginina. Na alimentação, a creatina pode ser encontrada em maiores quantidades nos peixes, carne suína, carne bovina, salmão, atum e bacalhau respectivamente.

Atualmente ela é encontrada nas formas: creatina fosfato, citrato de creatina, creatina monohidratada e micronizada. Alguns suplementos também incluem a creatina como um de seus componentes.

O uso de Creatina é indicado para esportes de alta intensidade e curta duração, como por exemplo, as lutas, natação, musculação, ciclismo, entre outros. Estudos recentes também têm encontrado ações benéficas para doenças crônico degenerativas, neuromusculares e tolerância à glicose.

Quando utilizada corretamente (dosagens e horários corretos), não acarreta em problemas nos rins em pessoas saudáveis. A suplementação de creatina não deve ser tomada ininterruptamente e em altas dosagens, além disso, quando a ingestão de creatina é superior ao limite máximo de acúmulo no músculo, a sua síntese (pelo corpo) é diminuída e a creatina ingerida é excretada pela urina.

Efeitos da Creatina

– Força: tomar Creatina pode causar o aumento de força, que pode variar individualmente e apresentar resultados diferentes em cada modalidade de exercício físico.

– Hipertrofia Muscular: Muitos estudos indicam um aumento na massa muscular.

– Retenção hídrica (água): a Creatina provoca um aumento no volume de água corporal e por causa disso o ganho de massa muscular é facilitado, tendo em vista que aproximadamente 75% do músculo é constituído por água.

Treinamento: a Creatina causa um aumento no volume do treino, através da redução da fadiga (cansaço) e melhora na performance, o que facilita o ganho de massa muscular.
– Mulheres x creatina: as mulheres em geral apresentam maiores respostas quando comparada aos homens (em relação a hipertrofia), devido a menor quantidade de creatina no músculo proveniente da alimentação. Também pode melhorar a força isométrica (ou estática) máxima, porém a suplementação não é decisiva para melhora do desempenho anaeróbio.

– Desempenho físico (resíntese de ATP): Alguns estudos e pesquisas indicam que a suplementação de creatina monoidratada contribui para produção de energia melhorando a força e explosão de exercício de curta duração e alta intensidade.

Vale lembrar que indivíduos que apresentam altas concentrações de creatina muscular demonstraram menores resultados com a sua suplementação.
Portanto, não siga somente as instruções de rotulagem dos produtos que geralmente sugerem uma saturação exagerada da creatina, muitas vezes as hiperdosagens não são indicadas.
Artigos Relacionados:

Mais Lidas do Mês:

noticia relacionada 1noticia relacionada 2

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *