Como Aumentar Músculos que não se Desenvolvem?

14/12/2012
Músculos Atrasados

A não ser que você tenha a melhor genética do mundo, com certeza já passou ou ainda vai passar por isso. Após um certo período de treino, começamos a perceber que alguns grupos musculares se desenvolvem rapidamente enquanto outros parecem “atrasados” no desenvolvimento.
Nesse artigo, vamos apresentar algumas soluções para te ajudar a desenvolver esses músculos. Continue lendo e conheça nossas dicas.

Músculos com Desenvolvimento Atrasado

Esse atraso no desenvolvimento é muito comum e pode ocorrer em grupos musculares diferentes para cada pessoa. Por exemplo: existem pessoas que nunca treinaram panturrilhas de forma decente e possuem essa musculatura super desenvolvida, enquanto outras pessoas treinam de forma coerente por anos e não conseguem desenvolvê-las. O mesmo pode ocorrer com os bíceps, tríceps, peitoral, ou qualquer outro grupo muscular.

Ganhar Massa Muscular

Mas afinal, como podemos corrigir essa dificuldade no desenvolvimento?

Bom, para começar é importante deixar claro que grande parte dessas dificuldades de desenvolvimento muscular se deve principalmente a genética, que tem influência direta no ganho de massa em qualquer grupo muscular. A genética pode afetar o músculo de diversas formas: formato do músculo, nível de desenvolvimento, comprimento do músculo, etc.

Infelizmente não podemos mudar a genética, isso é algo que carregaremos para o resto da vida. Porém, se você não está vendo resultado no desenvolvimento de um músculo e treina de forma consistente há um bom tempo, chegamos a conclusão que o treino que você tem realizado para o músculo não está funcionando! Ou seja, é hora de mudar o seu treino de forma radical para verificar quais serão os resultados obtidos.

Para conseguir essa mudança, vamos listar agora algumas dicas que você deve experimentar por um tempo e analisar os resultados:

Opção 1: Mudança de Tipo de Treino

Se você está acostumado a fazer repetições mais elevadas (10 ou mais) para aquele grupo muscular, experimente trocar para um treinamento de força por um tempo (repetições mais baixas e com maior carga).
O mesmo vale para o contrário: se está acostumado com o treino de força, experimente trocar para um treino de resistência.

Opção 2: Mudança no Volume de Treino

Talvez a falta de desenvolvimento esteja acontecendo justamente por ser algo que te preocupa e você acaba treinando demais aquele grupo muscular. Estamos cansados de saber que o músculo cresce no descanso, e de nada adianta fazer um monte de séries, achando que isso irá trazer um desenvolvimento maior. Se essa lógica funcionasse, ficaríamos 5 horas dentro da academia e teríamos um desenvolvimento impressionante.
Experimente então diminuir a quantidade de séries de maneira radical… por exemplo se está acostumado a fazer 14 séries para aquele grupo muscular, experimente passar a fazer 7-8 séries por treino.

Opção 3: Faça mais séries em 1 exercício específico

Essa dica só vale se você já tem um treino com pouco volume. Experimente fazer 2-3 séries adicionais de 1 exercício do grupo muscular que apresenta desenvolvimento atrasado. De preferência, aplique essa técnica no exercício mais básico. Por exemplo: se tem dificuldades no desenvolvimento do peitoral, aplique a técnica no supino. Se for nos Bíceps, aplique na rosca direta, etc.

Opção 4: Treine esse Grupo Muscular Mais vezes por Semana

Mas atenção: diminua a intensidade de cada treino!
Experimente treinar esse grupo muscular 2-3 vezes por semana, respeitando pelo menos 1 dia de intervalo entre os dias de treino desse músculo e diminuindo a intensidade de cada treino. Dessa maneira você conseguirá trabalhar o músculo mais vezes, sem desgastá-lo de forma exagerada.

Opção 5: Treine Menos Vezes esse Grupo Muscular

Essa dica é para quem já tem o hábito de seguir a opção 4 e não vê resultados há muito tempo.
Experimente diminuir a frequência de treino para aquele grupo muscular para 1 vez por semana e aumente a intensidade desse único treino. Utilize técnicas que aumentem a dificuldade do treino como os drop-sets, diminua o intervalo entre as séries, etc.

Dica Extra: Suplementação

Todos sabemos da importância de uma alimentação 100% correta para o desenvolvimento de massa muscular. Dê uma atenção especial na suplementação para suprir as necessidades do organismo. Tome um bom suplemento de proteína/carboidratos principalmente se estiver com algum músculo com desenvolvimento atrasado. De preferência a um bom Whey Protein e/ou um Hipercalórico de qualidade. Confira abaixo nossas recomendações de suplementos:


Então é isso, pessoal. Espero que tenham gostado das informações e que apliquem as dicas nos seus treinos. Somente fazendo testes será possível descobrir como seu corpo responde melhor. Experimente seguir as dicas por 1-2 meses e veja se obtém resultados melhores. Se não, passe para a outra dica, até encontrar o método de treino que funciona melhor para aquele grupo muscular.

Mais Lidas do Mês:

noticia relacionada 1noticia relacionada 2

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *